Avaí apresenta reforços para o Brasileiro

Postado por: Rafael Xavier dos Passos

O Avaí apresentou nesta tarde os dois primeiros reforços para o Campeonato Brasileiro da Série B: o zagueiro Fábio Sanches e o atacante Romarinho. O presidente Francisco José Battistotti destacou que a chegada destes atletas é o cumprimento do que foi anunciado para a torcida, ou seja, reforços para e equipe buscar um novo patamar e brigar por algo maior. O diretor de Esportes do clube, Marcelo Gonçalves, apresentou os jogadores e destacou a importância deles, o reforço que representam para uma competição que será difícil e complicada para as 20 equipes participantes, principalmente pelo equilíbrio de forças. Segundo Gonçalves, outros atletas serão apresentados até o início da competição.

O zagueiro Fábio Sanches tem três acessos em sua carreira e espera repetir estas conquistas neste novo desafio no Avaí. Fábio Pizarro Sanches, 25 anos, zagueiro pela direita, é natural de São José dos Campos (SP), casado. Em 2009 passou pela base do Avaí, trazido pelo ex-diretor Moisés Cândido. Na oportunidade disputou a Copa SP de Futebol Junior. O Avaí foi eliminado nos pênaltis pelo Corinthians, na semifinal. O jogador profissionalizou-se no Paulista de Jundiaí e passou pelo Mogi Mirim, América-RN, Paysandu, ASA, Atlético Sorocaba. Seu último clube foi o XV de Piracicaba, no Paulistão 2016, onde ficou de fora apenas um jogo. “Minha vinda para cá é mais um desafio em minha carreira. Espero que com o apoio da equipe inteira a gente consiga mais este acesso. Minha característica é a garra, a vontade, a velocidade e também, quando o jogo permite, subir e fazer uns golzinhos”, disse o jogador.

Já o atacante Romarinho não esconde a sua empolgação, pois quer fazer do Avaí mais um ponto de partida para mostrar suas qualidades. Jefferson José Lopes de Andrade, 26 anos, virou Romarinho na infância. “Só jogava com a 11 e era fã de Romário. Pronto, não deu outra. Se desse, eu mudaria para ser chamado apenas de Jefferson, valorizar o meu nome que eu gosto”, observou. Romarinho é casado e tem uma filhinha de um ano e sete meses. Morre de saudade da pequena. É natural de Recife, onde começou nas categorias de base, no Flamenguinho. Depois passou por Náutico, Santa Cruz e profissionalizou-se no Sport. Mas foi como profissional que jogou pela primeira vez no Ipiranga (PE). Depois passou duas vezes pelo Botafogo (PB), esteve na Coreia do Sul e por último chegou ao Inter, onde jogou quase todos as partidas do Catarinense. “Sou atacante de beirada de campo, tenho muita velocidade e gosto de fazer gols. Quero ver o Avaí subindo, vou me esforçar para ser titular, mas sempre respeitando o grupo e a comissão técnica”, finalizou.

Na próxima segunda-feira, o Avaí deve apresentar o zagueiro / lateral Alemão e o atacante Tatá, segundo o diretor de esportes Marcelo Gonçalves. “Nossa meta é fechar o grupo de reforços à disposição do Silas para esta largada da Série B. Precisávamos nos adequar à realidade desta competição, que é dura e muito equilibrada”, completou Gonçalves, que promete para depois a chegada de outros dois atletas que ainda estão em atividades em seus clubes: o lateral João Paulo e o meia Vinícius Pacheco, mas que estão fechados com o Avaí.

WhatsApp-Image-20160429 (1)
Foto: Jorge Daux/Avaí F.C.
WhatsApp-Image-20160429 (2)
Foto: Jorge Daux/Avaí F.C.
WhatsApp-Image-20160429 (3)
Foto: Jorge Daux/Avaí F.C.
WhatsApp-Image-20160429
Foto: Jorge Daux/Avaí F.C.

COMPARTILHE ESSA NOTÍCIA

MAIS NOTÍCIAS

Avaí aprova em primeira convocação plano de recuperação judicial e vai pagar dívidas históricas

Acordo permite ao clube dar continuidade ao projeto de reestruturação financeira O Avaí Futebol Clube conquistou um resultado histórico fora

22/02/2024

Chegaram todas as Camisas do Centenário para os sócios que têm direito

O Avaí Futebol Clube informa aos seus sócios que chegaram todas as Camisas do Centenário para os sócios que têm

22/02/2024