Avaí vence nos pênaltis e vai às oitavas

Postado por: André Palma Ribeiro

Avaí comemora a classificação conquistada dramaticamente na cobrança de pênaltis   Foto: Divulgação / Avaí FC

O Avaí está classificado para as oitavas de final da Copa São Paulo de Futebol Junior, depois de vencer o Red Bull Brasil por 6 x 5 nos pênaltis (empate em 1 x 1 no tempo normal), em partida dramática no Estádio Jayme Cintra, em Jundiaí, debaixo de forte chuva. O goleiro Léo Lopes, ao defender dois pênaltis, foi o grande destaque do jogo. Na próxima fase o Avaí enfrenta o vencedor de Corinthians x Ferroviária, que jogam a partir das 20h10min deste domingo.  Após o jogo, uma grande comemoração dos atletas do Avaí, merecida por sinal, uma vez que a equipe segue com uma grande campanha. Foram quatro vitórias no tempo normal e esta nos pênaltis.

No primeiro tempo, sob forte chuva, o Avaí procurou dominar o jogo, mas sentiu o gol que sofreu aos 18 minutos. Jogada pela direita, cruzamento rasteiro na área e a bola bateu no zagueiro Michel e foi para as redes. A pressão aumentou, o Avaí foi para o ataque, dominou totalmente o jogo, mas não conseguiu o gol. Na fase final, a entrada de Rael mudou tudo. O técnico Fabrício Cunha buscou mais agressividade pelo meio. E foi justamente aos 18 minutos do segundo tempo, depois de uma bela cabeçada de Alisson, o goleiro fez grande defesa. Mas no rebote, de fora da área, Rael acertou um grande chute de canhota, empatando a partida.

A partir do gol de empate, o jogou tornou-se dramático. As duas equipes buscando o gol para não levar a decisão aos pênaltis. As defesas sempre levaram a melhor. Fabrício ainda tentou duas outras mudanças, mas o tempo normal terminou 1 x 1. O melhor viria depois.

Na cobrança de pênaltis, o jogo seguiu empatado, com a conversão de todas as cobranças até Santarém acertar o poste direito do goleiro no 4 x 4. Na sequência, Gabriel era só fazer e dar a vitória para o clube paulista, mas brilhou a estrela do goleiro Léo Lopes, que defendeu o chute alto. O Avaí na sequência converteu as suas duas cobranças, mas na última, o zagueiro Caíque, do time paulista, que tinha o apoio da torcida, parou novamente em Léo Lopes, que chegou a encaixar a bola no canto direito baixo. E saiu para a comemoração. Avaí classificado, com inteira justiça.

Léo Lopes, que logo estará no elenco profissional, assim que voltar da Copinha, destacou após a partida que costuma ficar treinando defesas nas cobranças de seus companheiros e isso foi fundamental para a vitória do Avaí. O meia Rael agradeceu a confiança do técnico e disse que vai se esforçar para conseguir a posição de titular. Ele entrou no lugar de Magno. O técnico Fabrício Cunha destacou o brilho, a organização e competência de seus atletas. “Eles foram guerreiros, lutaram até o fim. E mostramos mais uma vez que além de técnica e qualidade individual, temos um grupo focado, atuando e conquistando resultados com a força do conjunto, o que é fundamental para uma equipe de futebol”, completou.

A comemoração no vestiário: 

 

COMPARTILHE ESSA NOTÍCIA

MAIS NOTÍCIAS

Venha pegar a sua Camisa do Centenário

Já estão à disposição dos sócios adimplentes do Avaí as camisas do Centenário. Para fazer a retirada da sua, basta

22/02/2024

Catarinense Fort 2024: Números na história de Avaí x Brusque

Na história – De acordo com o pesquisador e historiador oficial do Avaí Futebol Clube, Spyros Apóstolo Diamantaras, Avaí e