Conselho Deliberativo vota pela rejeição das contas de 2021

Postado por: avai.abstrato.ventures

Em reunião realizada nesta terça-feira (3), no restaurante da Ressacada, o Conselho Deliberativo do Avaí votou pela rejeição das contas do exercício 2021. O Conselho Deliberativo aprovou o parecer do Conselho Fiscal do clube que recomendava a rejeição das contas.

A reunião era de caráter ordinário e tinha como principal pauta a apreciação e deliberação sobre o parecer do Conselho Fiscal referente às contas do exercício de 2021. Antes das discussões e análise do parecer, o advogado do ex-presidente Francisco José Battistotti, cujas contas estavam em análise, tomou a palavra no sentido pedir a suspensão da reunião sob a justificativa de que o Conselho Fiscal, cujo mandato terminava em dezembro do ano passado, não poderia assinar o parecer por entender que seu mandato havia terminado. Na visão dele, o parecer deveria ser dado pelo atual Conselho Fiscal do clube.

O pedido da defesa do ex-presidente foi colocado em análise após debate entre os conselheiros. Por maioria, o Conselho Deliberativo decidiu seguir com a votação entendendo ser legítima a competência do órgão que emitiu o parecer a ser colocado em votação. Foram 31 votos a favor da legitimidade, nove contrários e nove abstenções.

Sobre as contas

Na sexta-feira (29), o clube disponibilizou aos conselheiros as demonstrações contábeis, bem como as notas explicativas. Os documentos apresentaram ao conselho o montante de R$ 34.467, 692 em déficit (saldo entre despesas e receitas). A contadora do clube, Sandra Mara de Jesus, foi quem apresentou os números do balanço patrimonial e prestação de contas. Em síntese, a apresentação demonstrou que o clube arrecadou em 2021 R$ 25.303.151, e teve como despesas o valor de R$ 59.770.843. O orçamento aprovado para 2021 previa o valor de R$ 39.001.528. Ou seja, indicou que houve extrapolamento das despesas na ordem de mais de R$ 20 milhões, novamente sem a anuência do Conselho Deliberativo, como mostra o parecer do Conselho Fiscal (que pode ser acessado clicando aqui).

O parecer, lido na íntegra pelo membro efetivo do Conselho Fiscal Acácio Mund Carreirão, indicou o rejeite das contas, conforme explícito no documento:

Dado o contido e relatado especialmente nos itens “4.4 Extrapolação do montante orçado para custos e despesas” e “3.3 Do Montante de obrigações financeiras não cumpridas”, por ordem decrescente de gravidade e em vista de seu caráter de prática contínua, manifestamos nossa posição firme, isenta e convicta pela rejeição das contas alusivas ao exercício 2021.

O parecer foi aprovado por maioria. Foram 35 votos a favor de aprovar o parecer e rejeitar as contas. Não houve votos em contrário e foram oito abstenções. Consta nos documentos referente ao exercício de 2021 o relatório da empresa contratada para auditoria independente das contas. A qual afirmou:

“Contudo, devido ao assunto descrito na seção intitulada “Base para abstenção de opinião”, não nos foi possível obter evidência de auditoria apropriada e suficiente para fundamentar nossa opinião de auditoria sobre essas demonstrações contábeis”.

A empresa alega não ser possível emitir parecer conclusivo devido à forma como o clube apresenta suas contas e faz sua organização financeira até a data do parecer. Para ler o parecer na íntegra clique aqui.

 

COMPARTILHE ESSA NOTÍCIA

MAIS NOTÍCIAS

Orientações aos sócios participantes da Caravana Com a Raça Toda

Neste sábado (24/02), a Raça Toda vai ao estádio Heriberto Hülse, em Criciúma-SC, para acompanhar a partida Avaí x Brusque,

23/02/2024

Relação de mascotes mirins sorteados para Avaí x Brusque-SC

O Avaí Futebol Clube informa a relação de inscritos sorteados e as orientações para o cerimonial de entrada dos Mascotes

23/02/2024