Encerrada Jornada Médica do Avaí

Postado por: André Palma Ribeiro

 

Mesa-redonda encerrou Jornada Médica neste sábado com presença de Judson Foto: André Palma Ribeiro/Avaí FC

Foi encerrada no final da tarde deste sábado (26), no Estádio da Ressacada, a 9ª Jornada Científica do Departamento Médico do Avaí, evento que reuniu várias palestras desde o começo da tarde de sexta-feira e foi complemento do CBF Social e CBF + Saúde, workshop que o Avaí sediou desde quarta-feira, com a realização da CBF e parceria da Federação Catarinense de Futebol. O ponto alto foi o Festival de Futebol com mais de 400 crianças de comunidades carentes da região, no gramado da Ressacada. O médico Luis Fernando Funchal, criador e organizador da Jornada Médica, fez um balanço destes dois dias e deixou claro que este é o caminho para a evolução do departamento médico dos clubes de futebol, com o pioneirismo do Avaí na área médica.

Há 18 anos no clube, o médico Luis Fernando Funchal foi coordenador da Jornada Médica ao longo dos anos, sempre com o apoio integral do Avaí. No ano que vem já está programada a 10ª Jornada, também na Ressacada. “O Avaí mostrou para todos a maturidade que nós estamos atingindo, pois a gente conseguiu construir uma jornada que mostra qualidade científica e organizacional. A participação foi até um pouco além do esperado por nós. Assim, acho que devemos continuar, o clube tem esta vertente de educação continuada. Gostaríamos que todos os clubes brasileiros tivessem a mesma ideia que a nossa. A gente sempre chama os outros clubes, e o objetivo é fortalecer o futebol catarinense como um todo e o futebol do país também”.

Na avaliação da jornada, o chefe do Departamento Médico do Avaí destaca a evolução do trabalho que o clube realiza nesta área, inovando em outras análises como física, fisiológica e genética. “Agora vamos introduzir a análise do sono de cada atleta. Na verdade, esta é uma ferramenta extremamente importante. O atleta que não dorme bem, não descansa, não se recupera. Mensurar isso será fundamental. Já temos um parceiro para esta análise, que vai nos ajudar bastante a mensurar e usar estas informações a nosso favor no trabalho de prevenção e recuperação do atleta”, finalizou Luis Fernando Funchal.

Sobre os aspectos técnicos em análise durante três períodos de atividades, Funchal destacou que foram importantes. Destaque no CBF + Saúde para a palestra do médico Jorge Pagura, sobre concussão cerebral, um assunto consolidado, mas que é sempre importante voltar, disse Funchal, que entregou ao novo “avaiano” uma camisa do Leão da Ilha. Participação efetiva de um bom público, bastante interessado em questões como avaliações dos atletas, nutrição, recuperação, fisioterapia e lesões de um modo geral. Na manhã deste sábado, os trabalhos foram destacados com palestras dos integrantes da comissão técnica do Avaí. O técnico Claudinei Oliveira e o diretor de futebol Joceli dos Santos falaram sobre a importância do DM no desenvolvimento do trabalho, destacando detalhes e exemplos importantes do dia a dia. Também palestrou o médico do Avaí, Sérgio Campos de Mello Junior sobre a visão do médico.

Na sequência da manhã tivemos palestras sobre avaliações. Primeiro a médica, com Rodrigo Bollasel, fisioterápica, com Maurício Rabellato, isocinética, com Robson Scoz, física / fisiológica, com Pedro Morh e genética, com a geneticista Lia Back. Na parte da tarde tivemos palestras sobre várias patologias de atletas de futebol e o encerramento feito pelo médico Luis Fernando Funchal, o anfitrião da 9ª Jornada Científica do Departamento Médico do Avaí.

Funchal ao lado do médico Jorge Pagura    Foto: Divulgação / Avaí FC

COMPARTILHE ESSA NOTÍCIA

MAIS NOTÍCIAS

Avaí finaliza preparação para enfrentar o Brusque pela Série B

O Avaí finalizou a preparação para o confronto contra o Brusque que acontece amanhã. Nesta tarde de terça-feira (18), os

Avaí vence São Joseense pelo SulBrasileiro BG Prime

As categorias Sub-14 e Sub-15 da Raça da Base entram em campo na tarde de hoje (18), diante do São

18/06/2024