Avaí aprova em primeira convocação plano de recuperação judicial e vai pagar dívidas históricas

Postado por: Rafael Xavier dos Passos

Foto: Rafael Xavier / Avaí F.C.

Acordo permite ao clube dar continuidade ao projeto de reestruturação financeira

O Avaí Futebol Clube conquistou um resultado histórico fora dos gramados na manhã desta quinta-feira, 22/02. A Assembléia Geral de Credores aprovou o plano de recuperação judicial do Clube, que agora vai quitar as dívidas cíveis e trabalhistas acumuladas ao longo dos anos. O acordo abrange R$ 42,7 milhões. A proposta foi aprovada por ampla maioria dos credores que participaram da Assembleia e agora segue para homologação pelo Tribunal de Justiça de Santa Catarina.

Presidente do clube, Júlio Heerdt afirma que o acordo com credores garante maior segurança e tranquilidade para a continuidade do processo de recuperação financeira do Avaí. “A realidade do futebol mudou e os clubes não podem mais conviver com dívidas que nunca são pagas, como parecia ser uma rotina no passado. Hoje é diferente. Quando encaminhamos ao Judiciário o pedido de Recuperação Judicial, enfrentávamos penhoras diárias de receitas, o que inviabiliza qualquer planejamento. O acordo com os credores vira essa página e nos permite trabalhar olhando para o futuro”.

O 2022 marcou o início da recuperação financeira, com o pagamento de mais de R$ 20 milhões em dívidas e com salários de atletas e funcionários regularizados. A partir do último trimestre de 2023, começaram a ser feitos investimentos importantes nas categorias de base e em infraestrutura. “O acordo permite a continuidade desse processo de reconstrução, que só é possível graças também ao apoio e a compreensão do torcedor e à participação efetiva do Conselho Deliberativo do clube”, diz Heerdt. “O Leão da Ilha ficará ainda mais forte”.

O advogado Tullo Cavallazzi Filho, sócio do escritório que conduziu o caso no judiciário, destaca a importância do trabalho multidisciplinar que serviu de base para o processo de Recuperação Judicial do Avaí. Consultores especializados analisaram em detalhes a situação financeira do Clube e fizeram projeções da capacidade de pagamentos para garantir o sucesso das negociações. O trabalho foi executado pela Conwert Gestão Empresarial. “A credibilidade dos profissionais envolvidos no processo e, principalmente, do Avaí, um clube centenário, também foram fundamentais para esse desfecho positivo”.

Especialista em em Direito Empresarial, Marcos Andrey de Souza, diz que a Recuperação Judicial tem se mostrado uma alternativa importante em processos de recuperação de clubes que sofrem com o endividamento excessivo. “Essa solução garante, ao mesmo tempo, segurança ao credor e estabilidade e previsibilidade para o gestor. O fundamental é que as dívidas negociadas sejam pagas e o clube possa se reorganizar e ser ainda mais competitivo. Para o Avaí, a aprovação do plano de recuperação significa mais um passo na profissionalização da gestão, que abandonou práticas amadoras de outros gestores’”. Os passivos tributários do Clube, que não podem ser incluídos no processo de Recuperação Judicial, estão sendo negociados com a Procuradoria da Fazenda Nacional.

COMPARTILHE ESSA NOTÍCIA

MAIS NOTÍCIAS

Avaí leva gol no fim e é superado em Ponta Grossa

Na noite desta sexta-feira (19), o Avaí fez a sua estreia no Campeonato Brasileiro Série B 2024. O Leão da

19/04/2024

Série B 2024: Confira o Guia da Partida Operário-PR x Avaí

Já está disponível o Guia da Partida para a disputa diante do Operário-PR, válida pela 1ª rodada do Campeonato Brasileiro

19/04/2024