Claudinei valoriza entrega do grupo

Postado por: André Palma Ribeiro

Claudinei quer equipe organizada para buscar as vitórias do seu jeito                            Foto: Divulgação / Avaí FC

O técnico Claudinei Oliveira, que completou 48 anos nesta sexta-feira (29) e está há mais de um ano à frente da equipe Azurra, já tem o time do Avaí praticamente pronto para confronto de domingo, diante do Atlético-GO, às 16 horas, no Estádio da Ressacada. Na entrevista coletiva desta sexta-feira, o técnico foi cumprimentado por todos e falou sobre esta data. “Muito feliz por estar comemorando mais um aniversário no comando do clube, é o segundo. E um ano depois ver que as coisas aconteceram positivamente. Só coisas boas, mas precisamos consolidar domingo a caminhada”, disse.

Claudine Oliveira fez questão de destacar que os méritos são dos atletas, de todo o grupo de trabalho. “O torcedor do Avaí sempre esperando que a gente dê um resultado melhor,  a nossa sequência é muito boa e esperamos consolidar nestes dois jogos. Precisamos focar no Atlético-GO e buscar os três pontos. Dar uma boa distanciada da turma de baixo. Caso contrário, vamos continuar ali na luta debaixo. Ganhando, continua fora, precisamos acumular uma boa distância para respirar melhor”.

Sobre a ausência do goleiro Douglas no coletivo da manhã de sexta-feira, o técnico explicou que o goleiro treinou à parte, com o preparador André Croda, pois ainda sente dores do lado esquerdo do corpo, fruto de uma queda num treinamento. Citou o jogo diante do Flamengo, quando o goleiro chegou a ser acusado de fazer cera, quando na verdade estava sentindo muitas dores e quase saiu do jogo. Explicou que Douglas está bem, vai treinar no sábado e confirmado para o jogo.

 

Na entrevista, o técnico ainda foi perguntado sobre aquele jogo em que o Avaí perdeu para o Atlético-GO em Goiânia, no primeiro turno. Claudinei explicou que na oportunidade o Avaí estava sentindo um desgaste físico forte, explicado na ocasião pelo zagueiro Betão, que disse estar cansado. “A nossa equipe tem uma entrega muito forte nos jogos, muita vontade e organização em 90% dos jogos”.

Sobre o apoio do torcedor, Claudinei disse que é preciso muita paciência para domingo. Citou exemplos do ano passado, quando o Avaí enfrentou adversários teoricamente fracos na Ressacada e ganhou com dificuldade. Foram resultados importantes, como será vencer o Atlético-GO, mesmo que seja com sofrimento. “O torcedor tem jogado junto conosco nos grandes jogos. Ganhamos o Cruzeiro, campeão da Copa do Brasil e pegamos um adversário menos qualificado como este e achar que vamos ganhar fácil, não é verdade. Será um jogo duro, difícil”, observou o técnico. O comandante ainda citou as qualidades do adversário, lembrou de Valter, dos meias, do lateral esquerdo, todos jogadores de grande qualidade. “Um pouco de paciência, tomara que o gol saia logo para tranquilizar, mas se vencer com gol lá no final, são os mesmos três pontos, não desorganizar, não sofrer gol e são grandes as chances de vencer”, completou.

Confira a entrevista de Claudinei:

 

COMPARTILHE ESSA NOTÍCIA

MAIS NOTÍCIAS

Orientações aos sócios participantes da Caravana Com a Raça Toda

Neste sábado (24/02), a Raça Toda vai ao estádio Heriberto Hülse, em Criciúma-SC, para acompanhar a partida Avaí x Brusque,

23/02/2024

Relação de mascotes mirins sorteados para Avaí x Brusque-SC

O Avaí Futebol Clube informa a relação de inscritos sorteados e as orientações para o cerimonial de entrada dos Mascotes

23/02/2024