Claudinei: “Vamos brigar até o final”

Postado por: André Palma Ribeiro

Claudinei Oliveira destaca empenho e garra dos atletas para a conquista da vitória    Foto: Divulgação / TV Avaí

A importante vitória por 2 x 1 sobre o Palmeiras, na noite desta segunda-feira (20), deu ânimo ao Avaí na dura luta para fugir do rebaixamento. A equipe agora tem novo desafio, no próximo domingo (26), diante do Atlético-PR, no Estádio da Ressacada, às 17 horas. O torcedor que já compareceu em grande número, poderá lotar o templo azul e branco e levar a equipe a mais uma vitória. O técnico Claudinei, o comandante azurra, destacou ao final do jogo a garra e a determinação dos atletas em busca do resultado. “Não aceitamos em momento algum esta situação e vamos brigar até o final”, disse ao passar pela entrevista coletiva, que foi precedida pela homenagem ao capitão e ídolo Marquinhos, pelo recorde alcançado de maior artilheiro da Ressacada.

Claudinei Oliveira projeta um jogo difícil e complicado diante do Atlético-PR, outro adversário de nível técnico elevado, mas lembra que o Avaí não pode pensar em outro resultado que não seja a conquista dos três pontos. “Hoje completa um ano que a gente chegou aqui depois da conquista do acesso, desfilamos em carro aberto. O torcedor teve outra alegria hoje com esta vitória e significativo para todos. O papel da torcida foi fundamental na marcação de território, na hora de cobrar, de pressionar. A atmosfera é esta, precisamos entender as nossas limitações”.

Sobre a vitória diante do Palmeiras, Claudinei destacou a qualidade do adversário. Jogadores de grande capacidade técnica, opções incríveis no banco. “Jogamos contra o segundo colocado do Campeonato, elenco forte e com muitos recursos”, disse. O comandante avaiano ainda falou sobre a performance dos seus atletas, das opções que criou. Da estratégia em cima da marcação alta do Palmeiras, a necessidade de entender o jogo. Comentou a performance de Kozlinski, que fez um grande jogo e mostrou que tem condições. “Nunca duvidamos de sua capacidade. Ele cometeu aquele erro diante do torcedor, mas é um grande goleiro. Fez um grande jogo hoje, foi eleito o melhor goleiro do Estadual. A família dele veio, prestigiou. Foi apoiado por todos e teve os méritos dele”.

Em relação ao fato de não ser mais técnico do Avaí no ano que vem, Claudinei Oliveira disse que está dando seu máximo para cumprir a meta da equipe e não vai desistir disso. Lembrou que muitos atletas terão seus contratos encerrados no fim do ano e nem por isso estão deixando de correr, de se doar o tempo todo. “Todos estão se doando ao máximo e vamos procurar dar o máximo até o final. Fomos premiados por dar atenção a todos, não treinamos apenas os titulares. Se colocar a nossa terceira equipe, vai jogar dentro dos mesmos conceitos. A gente sabe da qualidade de todos. Ano passado subimos o Avaí e eu não tinha nem renovado o meu contrato. Cumpri até o final. Isso não se compra no supermercado. É caráter e teu tenho bastante”, completou.

Confira a íntegra da entrevista: 

 

COMPARTILHE ESSA NOTÍCIA

MAIS NOTÍCIAS

Sócios aniversariantes ganhadores das camisas exclusivas mês de Fevereiro

Aconteceu na última semana, o sorteio dos sócios ganhadores das camisas exclusivas para sócios aniversariantes do Avaí Futebol Clube. O

20/02/2024

Sócios adimplentes ganhadores das camisas exclusivas mês de Fevereiro

Aconteceu na última semana, o sorteio dos sócios ganhadores das camisas exclusivas para sócios adimplentes do Avaí Futebol Clube. O

20/02/2024