Comunicado

Postado por: André Palma Ribeiro

O Avaí Futebol Clube esclarece que a informação da assessoria do Tribunal Regional do Trabalho da 12° Região, publicada em seu site e repassada em um programa de rádio, não é verdadeira. O clube não está sofrendo qualquer tipo de penhora, principalmente de terreno.

Pelo contrário, o clube por meio de sua Procuradoria Jurídica requereu junto ao TRT a centralização de todas as execuções, o que foi deferido.

Desta forma, foi acordado que o juízo da 2° vara seria o responsável por organizar todos os procedimentos jurídicos de todos os processos originários de outras varas para a liquidação deste passivo.

Assim, para que o juízo tivesse a garantia para pagamento destes valores a serem quitados, requereu-se ao clube um bem, sendo que o mesmo ofertou uma parte do terreno ao redor da Ressacada, que, aliás, pode ser substituído por outro bem ou crédito a qualquer momento.

Cabe salientar que vários clubes do Brasil realizaram estes mesmos procedimentos em seus respectivos estados com o aval dos tribunais de cada região.

Por fim, o Avaí espera resolver as pendências e focar no futebol para que no final do ano possamos todos juntos celebrar mais um acesso à Série A.

COMPARTILHE ESSA NOTÍCIA

MAIS NOTÍCIAS

Leão se reapresenta e inicia preparação para o confronto contra o Goiás

O Avaí se reapresentou nesta tarde de segunda-feira (21). O elenco iniciou a preparação para o confronto contra o Goiás.

Confira a agenda de jogos da Raça da Base

As categorias de base do Avaí têm jogos marcados para ocorrer ao longo desta semana, pelo Campeonato Catarinense e o

21/05/2024