Noite de festa e homenagem na Ressacada

Postado por: Rafael Xavier dos Passos

Uma noite extremamente azul marcou a passagem dos 92 anos do Avaí Futebol Clube na Ressacada. A sessão solene do Conselho Deliberativo, alusiva ao aniversário do clube, contou com a presença de conselheiros, torcedores, sócios, jornalistas, ex-presidentes, torcidas organizadas e demais notáveis avaianos. O restaurante ficou pequeno para o sentimento de orgulho da Nação Avaiana.

A noite começou com o lançamento  do livro “O Indomável Leão – A mística do faz coisa”, da sócia Kátia de Paula. A obra conta a trajetória do Avaí no acesso à Série A de 2014. No discurso, enalteceu o sentimento que existe dentro do Avaí. “Nós somos um clube feito de raça, união e muita perseverança. Essa obra traz muito isso do nosso Leão”.

A sessão do Conselho foi aberta pelo presidente Alessandro Abreu e partiu em seguida para a leitura do Ato Conjunto e da Outorga da Medalha de Honra ao Mérito Saul Oliveira através do secretário geral Edmundo Simone Neto. Na sequência, os diretores Enio Gomes e Nesi Furlani entregaram o documento importante ao homenageado Fernando Bastos.

Depois, chegou o grande momento da noite. O presidente do Conselho e o presidente executivo, Dr. Nilton Macedo Machado, fizeram a entrega da medalha, a maior honraria do clube. Fernando Bastos se junta aos demais agraciados devido aos relevantes serviços prestados ao Avaí: Fábio Koff, Família de Saul Oliveira, Família de Amadeu Horn, João Nilson Zunino, Davi Ferreira Lima e Nereu do Valle Pereira.

Literalmente emocionado, Fernando Bastos se desmanchou em lágrimas e falou do seu amor pelo Avaí. “Muito obrigado a todos que honram o Avaí. Eu amo o clube, amo de paixão. Estou muito feliz de ver tanta gente se dedicando ao Leão, o time da raça”.

Fernando Bastos

Fernando José Caldeira Bastos nasceu em Florianópolis em 3 de dezembro de 1932. Foi deputado, professor e jornalista. Presidiu o Avaí de 1964 a 1966 e de 1972 a 1973. Fernando é o autor da letra do hino do clube junto com Luiz Henrique Rosa, responsável pela melodia da música.

Dr. Fernando Bastos foi o grande responsável pela tratativa com o Governo do Estado que em 1972 passou o estádio Adolfo Konder para propriedade do clube. Ele foi ainda presidente do Conselho Deliberativo e vice-presidente.

Presidente enaltece o momento de união

No discurso sobre os 92 anos do Avaí, o presidente Nílton Macedo Machado falou do momento de união e da importância de todos os poderes do clube na luta pela permanência do time na Série A. “A superação e a união estão cada vez mais frequentes na Ressacada. Quem faz o Avaí grande são todos aqueles que acreditam no nosso trabalho e na união”, afirmou o presidente.

Encerrando a solenidade, todos cantaram em verso e prosa o hino do Avaí que foi puxado por Fernando Bastos que também levantou o tradicional “Parabéns pra você”.

1
Foto: Jamira Furlani/Avaí F.C.
2
Foto: Jamira Furlani/Avaí F.C.
4
Foto: Jamira Furlani/Avaí F.C.

COMPARTILHE ESSA NOTÍCIA

MAIS NOTÍCIAS

Série B 2024: Serviço de jogo para Avaí x Santos-SP

Na Ressacada com a Raça toda! Nesta sexta-feira (26/03), o Time da Raça tem um encontro marcado com a Nação

Ação exclusiva sócios: É PÊNALTI na partida Avaí x Santos-SP

No intervalo da disputa entre Avaí e Santos-SP, pela 2ª rodada do Campeonato Brasileiro Série B 2024, o Avaí estará

24/04/2024